Criada em 26/10/1961

Rua da Glória, 1000 – Glória
CEP 89 025-305 – Blumenau – SC
Fone/Fax (47) 3324 0611
E-mail: [email protected]

Pároco: Pe. Walmir Marcolino Gomes

Diácono
Diác. Valdir Wirth (Emérito)

Comunidades
1. Nossa Senhora de Fátima
2. Nossa Senhora Aparecida


Criada em 26 de outubro de 1961. Possui 3 comunidades: Matriz Nossa Senhora da Glória e as Capelas Nossa Senhora de Fátima e Nossa Senhora Aparecida.

Histórico: No início de 1928, Frei Beda Koch, da Paróquia São Paulo Apóstolo, fazia suas pregações na capela de Santa isabel, no bairro Garcia Alto. Este mesmo ano marca o começo de um importante trabalho desenvolvido na comunidade da Glória, algo que se transformou uma das suas principais características: a vocação educacional. Nessa época, Frei Beda visitava várias famílias residentes na Rua da Glória, denominada de Specktiefe (tifa do toucinho). E uma das coisas que mais lhe chamou a atenção foi o grande número de crianças da região que não possuíam escola e muito menos instrução religiosa.

Por este motivo, numa das reuniões presididas por Frei Beda, resolveu-se fundar primeiro a escola e depois a igreja. Com dinheiro arrecadado de porta em porta, alugou-se uma pequena casa de madeira na Rua Belo Horizonte e no dia 14 de fevereiro de 1929, com a bênção do crucifixo e da sala escolar, foi fundada a escola paroquial e escolhido São José como padroeiro.

Já em 1931, com a bênção do bispo de Joinville, Dom Pio de Freitas, foi adquirido um terreno sito à Rua da Glória, no qual conforme planta do Irmão Frei Hilário, foi construído um prédio de tijolos com 18 metros de comprimento e 9 metros de largura, que foi inaugurado no dia 10 de junho de 1931 como o nome de Escola São José e que também servia de capela provisória.

Só no ano de 1942 foi lançada a pedra fundamental da atual Igreja Matriz e Frei Beda novamente ia de porta em porta, pedindo auxílio para a construção. Nos momentos de “grande aperto”, dirigia-se ao diretor-gerente da Empresa Industrial Garcia, Ernesto Stodieck, que sempre dava provas de muita generosidade e simpatia pela obra. A festa da “cumieira” foi celebrada no dia 19 de agosto de 1945 e no dia 14 de setembro de 1947 realizou-se uma grandiosa festa de inauguração da torre, com 39 metros e 80 centímetros de altura.

Em março de 1948 foi celebrada uma missa solene na nova igreja ainda em fase de acabamento. Os anos seguintes foram dedicados mais à escola paroquial São José que, com seus 500 alunos, exigia maior espaço. Novamente comprou-se, ao lado da igreja, um terreno e no dia 14 de fevereiro de 1954 foi lançada a pedra fundamental da atual escola e quem se interessou muito pela construção do novo prédio foi Frei Raul Bunn, OFM. No mês de fevereiro de 1956 Frei Raul foi transferido, sendo substituído por Frei João Maria Boethge, OFM.

Em vista do crescente número de fiéis, foi criada a Paróquia, em outubro de 1961, por Dom Gregório Warmeling. Em outubro de 1991 foram celebrados os 30 anos da Paróquia, onde até os dias atuais, muitos padres exerce3ram nesta comunidade a sua missão sacerdotal.
Párocos: Frei João Maria Boethge, OFM (1961-1966); Pe. Silvio Tron (1967-1976); Pe. Vertulino José Silveira (1976-1985); Pe. Lírio Tomio (1985-1987); Mons. Geraldo Pièsik (1987-2006); Pe. Anderson Ferrari (2007); Pe. Mário Augustin Pedrozo Olazar (2007-2009); Pe. Hélio Vrech (2009-2017); Pe. Walmir Marcolino Gomes (2017- atual)

(Bohn, Antônio Francisco Pe. – Diocese de Blumenau, Histórico, Paróquias e Comunidades – Gráfica e Editora 3 de maio, Blumenau, 2001, pág. 110).

 

 

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário